• Twitter
  • RSS

UNESCO HIV and Health Education Clearinghouse

Search resources

The search found 16 results in 0.36 seconds.

Search results

  1. Consolidated guideline on sexual and reproductive health and rights of women living with HIV

    The starting point for this guideline is the point at which a woman has learnt that she is living with HIV, and it therefore covers key issues for providing comprehensive sexual and reproductive health and rights-related services and support for women living with HIV. …

  2. Fulfilling our promise to young people today: 2013-2015 progress review

    On 7 December 2013, in Cape Town, South Africa, Ministers of Education and Health from 201 countries in Eastern and Southern Africa (ESA) agreed to work collaboratively towards a vision of young Africans who are global citizens of the future, who are educated, healthy, resilient, socially responsible, informed decision-makers, and have the capacity to contribute to their community, country, and region. They affirmed a commitment to the right to the highest possible level of health, education, non-discrimination, and well-being of current and future generations. …

  3. Programa nacional de saúde reprodutiva (2008 - 2012)

    O documento do PNSR apresenta-se estruturado em 5 partes que procuram reflectir a situação da saúde reprodutiva em Cabo Verde no quadro das recomendações do CIPD, dos objectivos do Milénio para o Desenvolvimento e no contexto nacional, a situação no que concerne aos indicadores de saúde reprodutiva, problemas e causas e o nível de oferta de serviços existentes por componente, salientando os principais problemas e constrangimentos. …

  4. Providing young people with sexual reproductive health services: a guide for health service providers [Engaging Communities in Comprehensive Sexuality Education]

    This guide forms part of a toolkit on 'Engaging Communities in Comprehensive Sexuality Education'. It lists common communication barriers which prevent service providers from providing sexual and reproductive health services to young people as well as suggestions to help service providers overcome those barriers and support young people effectively.

  5. Ministerial Commitment on comprehensive sexuality education and sexual and reproductive health services for adolescents and young people in Eastern and Southern African (ESA)

    On December 7, 2013, ministers and their representatives from 21 countries in Eastern and Southern Africa came together to endorse and adopt the UN commitment for Eastern and Southern Africa with its recommendations for bold action in response to HIV and the education/health challenges experienced by young people. Recognising the urgency of the situation facing young people, education and health ministers have now committed to addressing young people's realities by ramping up sexuality education and health services in their countries.

  6. Report card. HIV prevention for girls and young women: Mozambique

    This report card aims to provide a summary of HIV prevention for girls and young women in Mozambique. This Report Card is one in a series produced by the International Planned Parenthood Federation (IPPF), under the umbrella of the Global Coalition on Women and AIDS, and with the support of the United Nations Population Fund (UNFPA) and Young Positives. The Report Card is an advocacy tool. It aims to increase and improve the programmatic, policy and funding actions taken on HIV prevention for girls and young women in Mozambique. …

  7. Manual clínico de alimentação e nutrição na assistência a adultos infectados pelo HIV

    O presente documento, elaborado pelo Programa Nacional de DST e Aids e Coordenação Geral de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde, contou com a colaboração de profissionais da área de Nutrição e HIV/Aids de serviços e redes de apoio do país. O objetivo é trazer informação aos profissionais de saúde do Sistema Único de Saúde, envolvidos no aconselhamento e tratamento das pessoas vivendo com HIV e aids (PVHA). O objetivo deste material é servir de base na avaliação e aconselhamento nutricional. …

  8. Alimentação e nutrição para pessoas que vivem com HIV e Aids

    Esta Cartilha foi elaborada pelo Programa Nacional de DST e Aids e Coordenação Geral de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde, a partir de vários documentos de referência e contou a colaboração de profissionais da área de Nutrição e HIV/Aids de serviços e redes de apoio do país. …

  9. Qualiaids : avaliação e monitoramento da qualidade da assistência ambulatorial em aids no SUS

    Desde o inicio da epidemia de aids, o Brasil expandiu expressivamente o número de serviços de atenção às pessoas que vivem com HIV/aids (PVHA). Hoje, em todo o país, mais de 600 serviços do SUS prestam assistência ambulatorial às PVHA. Esses serviços possuem diferentes configurações institucionais: são ambulatórios gerais ou de especialidades, ambulatórios de hospitais, unidades básicas de saúde, postos de saúde, policlínicas e serviços de assistência especializados em DST/HIV/aids (SAE). …

  10. Plano Brasileiro de Vacinas Anti-HIV 2008-2012: Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação

    O Brasil se tornou referência no combate à aids a partir de sua política de acesso universal ao tratamento anti-retroviral, organizada por um Programa eficiente, baseado na visão de política pública de seu Ministério da Saúde. Entretanto, os avanços no conhecimento da infecção pelo HIV que ocorrem no cenário internacional evidenciam a necessidade de esforços governamentais mais abrangentes para ampliar o desenvolvimento de novos processos e produtos que viabilizem a profilaxia da infecção pelo HIV no País. …

  11. Recomendações para Terapia Antirretroviral em crianças e adolescentes infectados pelo HIV - Suplemento 1

    Em 2009, o Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde publicou a nova edição das Recomendações para Terapia Antirretroviral em Crianças e Adolescentes Infectados pelo HIV com atualizações do manejo clínico dessa população, introduzindo novos capítulos com temas relevantes para a assistência, entre eles: cuidado integral, abordagem da adesão à terapia antirretroviral, revelação diagnóstica e o adolescente vivendo com HIV/aids. …

  12. Recomendações para Terapia Antirretroviral em Crianças e Adolescentes Infectados pelo HIV

    A partir de 1994, o Programa Nacional de DST e Aids passou a publicar o Guia de Tratamento Clínico da Infecção pelo HIV em Crianças, com as informações mais importantes sobre os avanços ocorridos nas orientações para o tratamento e acompanhamento das crianças infectadas e expostas ao HIV. Esse Consenso, revisto periodicamente pelo Comitê Assessor para Terapia Antirretroviral em Crianças Infectadas pelo HIV, tem incluído novos temas cada vez mais abrangentes, com o intuito de tornar-se uma referência para os profissionais que têm dificuldade de acesso a outras referências técnicas. …

  13. Sexualidade de mulheres vivendo com HIV/AIDS em São Paulo

    O artigo apresenta um estudo realizado com 1.068 mulheres soropositivas. Os questionários elaborados visavam descrever os aspectos da vida sexual e reprodutiva das entrevistadas, bem como a maneira como elas percebiem o aconselhamento nesta área fornecido pelos Centros de Referências. Constatou-se que o conhecimento sobra a transmissão materno-infantil é reduzido, e as entrevistadas também se referiram ao pocuo espaço e acolhimento para discutir sexualidade, emáespecial suas intenções reprodutivas. …

  14. Aids e gravidez: os sentidos do risco e o desafio do cuidado

    "Aids e gravidez: os sentidos do risco e o desafio do cuidado", a partir de uma estudo qualitativo com depoentes soropositos e seus parceiros, busca compreender como o risco da transmissão vertical do HIV é apreendido e reconstruído pelas pessoas vivendo com HIV/Aids no momento de suas decisões reprodutivas. Dentre os resultados apontados, destaca-se o fato de que as questões reprodutivas não sâo explicitadas no espaço dos serviços de saúde. …

  15. Joint ILO/WHO guidelines on health services and HIV/AIDS

    The purpose of these guidelines is to promote the sound management of HIV/AIDS in health services, including the prevention of occupational exposure. Furthermore, the purpose is to ensure that health-care workers have decent, safe and healthy working conditions, while ensuring effective care that respects the needs and rights of patients, especially those living with HIV/AIDS. …

Pages

Our mission

Supporting education ministries, researchers and practitioners through a comprehensive database, website and information service.