• Twitter
  • RSS

UNESCO HIV and Health Education Clearinghouse

Search resources

The search found 19 results in 0.021 seconds.

Search results

  1. The unfinished nature of rights-informed HIV- and AIDS-related education: an analysis of three school-based initiatives

    Over the past 25 years, there has been growing investment in concepts of rights in the areas of HIV prevention, care and treatment, including HIV- and AIDS-related education delivered in schools. Despite this increasing commitment to the notion of rights, few efforts appear to have been made to understand the varying conceptions of rights that underpin different kinds of initiatives. …

  2. Sexual politics and sexual rights in Brazil: An overview

    The objective of this text is to survey the political construction of sexual rights in Brazil working on themes that are especially relevant to the configuration of these rights (reproduction/abortion, STDs/AIDS and sexual diversity), and mapping the main actors, the legal instruments now in place or still being discussed and, lastly, the public policies that have been adopted in the last two decades. …

  3. A critical analysis of public policies on education and LGBT rights in Brazil

    This report presents an analysis of public education policies and considers where these policies intersect with programmes aimed at preventing and reducing discrimination and violence against LGBT people. The first part of the report details the current Brazilian social context focusing on: levels of inequality and poverty; educational indicators; data on homophobic violence; and an assessment of dogmatic religious discourses that are increasingly affecting policymaking and implementation in areas pertaining to sexuality. …

  4. Intersexuality and sexual rights in southern Brazil

    This paper reports of the socio‐medical management of intersexuality in a teaching hospital in southern Brazil. Findings reveal that the ‘search for sex’ in the body treats sex as a medical‐diagnostic category constructed during decision‐making negotiations. In the course of the various bodily ‘regulations’ and ‘corrections’ imposed, the insufficiency of a model in which categories are based around a sexual dichotomy is revealed. …

  5. The global HIV epidemics among sex workers

    Since the beginning of the epidemic sex workers have experienced a heightened burden of HIV across settings, despite their higher levels of HIV protective behaviors (UNAIDS, 2009). By gaining a deeper understanding of the epidemiologic and broader policy and social context within which sex work is set one begins to quickly gain a sense of the complex backdrop for increased risk to HIV among sex workers. …

  6. Responding to harassment of LGBT youth in schools: snapshots from three trend-setting countries

    This report explores three countries’ responses to one aspect of LGBT marginalization—school harassment of LGBT youth. In particular, the authors studied the policies and programs of the United States, Germany and Brazil in an effort to identify lessons learned that could help ameliorate school harassment of LGBT youth and create the beginnings of a 3Rs movement to end homophobia and transphobia and the negative impact they have on young people. These countries where selected as snapshots of important, trend-setting work being done in different regions of the world. …

  7. Rotinas de Assistência Domiciliar Terapêutica (ADT) em HIV/AIDS

    A Assistência Domiciliar Terapêutica em Aids (ADT), implantada em 1995 no Brasil, constitui-se em uma modalidade assistencial com o objetivo de prestar atendimento multidisciplinar diferenciado, em nível domiciliar, às pessoas que vivem com HIV/AIDS. Contando com uma equipe formada por médico, enfermeira, assistente social e psicólogo, visa proporcionar ao paciente e sua família uma assistência integral, uma melhor qualidade de vida e uma redução no índice de demanda e ocupação dos leitos hospitalares. …

  8. Manual de rotinas para assistência de adolescentes vivendo com HIV/Aids

    Adolescentes e jovens estão sendo infectados e afetados pelo HIV mais do que qualquer outro grupo populacional. As características sócio-demográficas e culturais dos adolescentes e jovens vivendo com HIV/aids mostram a necessidade de se implementar ações de intervenção preventiva e clínica de qualidade que contemple as necessidades desse grupo populacional de forma mais efetiva, integral e participativa. …

  9. Práticas educativas e prevenção de HIV/Aids: lições aprendidas e desafios atuais

    A prevenção tem sido uma questão crucial para os programas de controle da Aids. Os enormes progressos doá conhecimento e da técnica nesse campo não chegaram a alterar substantivamente os determinantes fundamentais da infecção e adoecimento de significativos contingentes populacionais. Neste ensaio busca-se sistematizar as lições que aprendemos no campo da prevenção nessas duas décadas de epidemia, tomando como base, em especial, a experiência brasileira. …

  10. Qualiaids : avaliação e monitoramento da qualidade da assistência ambulatorial em aids no SUS

    Desde o inicio da epidemia de aids, o Brasil expandiu expressivamente o número de serviços de atenção às pessoas que vivem com HIV/aids (PVHA). Hoje, em todo o país, mais de 600 serviços do SUS prestam assistência ambulatorial às PVHA. Esses serviços possuem diferentes configurações institucionais: são ambulatórios gerais ou de especialidades, ambulatórios de hospitais, unidades básicas de saúde, postos de saúde, policlínicas e serviços de assistência especializados em DST/HIV/aids (SAE). …

  11. Direitos Humanos e HIV/AIDS: Avanços e perspectivas para o enfrentamento da epidemia no Brasil

    Não é possível dissociar direitos humanos do enfrentamento das DST/HIV/aids. O processo de reconhecimento do direito ao acesso universal a prevenção, diagnóstico e tratamento constitui importante bandeira de direitos humanos desde o inicio da epidemia. Afirmar a dignidade do ser humano é o que traz sentido para, por exemplo, a discussão sobre a função social da propriedade intelectual frente o direito à saúde. Além da disponibilização de preservativos e medicamentos anti-retrovirais, trata-se de uma luta constante contra as desigualdades sociais. …

  12. Raças e Etnias

    O propósito da série Adolescentes e Jovens para a Educação entre Pares, do Projeto Saúde e Prevenção nas Escolas (SPE), não é ser apenas mais um conjunto de fascículos, e sim trazer provocações e aprofundar o conhecimento que os(as) adolescentes e jovens têm a respeito de temas presentes em toda a sociedade, e que, muitas vezes, são tratados de maneira equivocada ou com preconceitos. Ao mesmo tempo, deseja orientar o trabalho por meio de oficinas, debates e leituras. Pretende, também, provocar reflexões e instigar o diálogo sobre as temáticas do SPE dentro das escolas brasileiras. …

  13. Plano Integrado de Enfrentamento da Feminização da Epidemia de Aids e outras DST

    Plano Integrado de Enfrentamento da Feminização da Epidemia de Aids e outras DST e um documento elaborado pelo Ministério da Saúde do Brasil em 2007. Resultado de uma parceria que procurou reunir esforços e alçar voo a partir da articulação intersetorial e da participação de parceiras/os da sociedade civil, o Plano tem como elemento fundamental o enfrentamento das múltiplas vulnerabilidades que contribuem para que as mulheres brasileiras estejam mais suscetíveis à infecção pelo HIV e a outras doenças sexualmente transmissíveis. …

  14. Sexual and Reproductive Health Needs of Women and Adolescent Girls living with HIV. Research Report on Qualitative Findings from Brazil, Ethiopia and the Ukraine

    Sexual and Reproductive Health Needs of Women and Adolescent Girls living with HIV. Research Report on Qualitative Findings from Brazil, Ethiopia and the Ukraine is a document developed by EngenderHealth with the support of UNFPA. This research identified some interesting trends across the three countries and some issues unique to each setting that need to be considered in strategic planning efforts to improve HIV-positive women's and adolescent girl's access and utilization of sexual and reproductive health services. …

  15. Sexual and Reproductive Health of Women and Adolescent Girls Living with HIV guidance for health managers, health workers, and activists

    Saúde Sexual e Saúde Reprodutiva das Mulheres Adultas, Adolescentes e Jovens Vivendo com HIV e Aids subsídios para gestores, profissionais de saúde e ativistas é um documento elaborada pela organização internacional EngenderHealth eoO Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) em 2008. …

Pages

Our mission

Supporting education ministries, researchers and practitioners through a comprehensive database, website and information service.