• Twitter
  • RSS

UNESCO HIV and Health Education Clearinghouse

Search resources

The search found 20 results in 0.02 seconds.

Search results

  1. The global HIV epidemics among sex workers

    Since the beginning of the epidemic sex workers have experienced a heightened burden of HIV across settings, despite their higher levels of HIV protective behaviors (UNAIDS, 2009). By gaining a deeper understanding of the epidemiologic and broader policy and social context within which sex work is set one begins to quickly gain a sense of the complex backdrop for increased risk to HIV among sex workers. …

  2. Access to safe abortion: building choices for women living with HIV and AIDS

    In many areas of the world where HIV prevalence is high, rates of unintended pregnancy and unsafe abortion have also been shown to be high. Of all pregnancies worldwide in 2008, 41% were reported as unintended or unplanned, and approximately 50% of these ended in abortion. …

  3. Práticas educativas e prevenção de HIV/Aids: lições aprendidas e desafios atuais

    A prevenção tem sido uma questão crucial para os programas de controle da Aids. Os enormes progressos doá conhecimento e da técnica nesse campo não chegaram a alterar substantivamente os determinantes fundamentais da infecção e adoecimento de significativos contingentes populacionais. Neste ensaio busca-se sistematizar as lições que aprendemos no campo da prevenção nessas duas décadas de epidemia, tomando como base, em especial, a experiência brasileira. …

  4. Tendências da epidemia de AIDS entre subgrupos sob maior risco no Brasil, 1980-2004

    O presente trabalho tem por objetivo apresentar as tendências da epidemia de AIDS em grupos populacionais sob maior risco no Brasil no período de 1980-2004. Entre os anos de 1980 e 1988, os casos homossexuais ou bissexuais masculinos correspondiam à maioria. Posteriormente, há um decréscimo importante no papel desempenhado pelos HSH e ocorre um acréscimo nas outras categorias de exposição. Neste sentido, a análise da dinâmica da epidemia de AIDS no Brasil mostra a importância dos grupos HSH e UDI masculinos enquanto grupos de risco diferenciado.

  5. Vulnerabilidad asociada a la transmisión de VIH entre usuarios de drogas del Área Metropolitana de Buenos Aires y ocho ciudades de Brasil (1998-2004)

    Estudio sobre vulnerabilidad y desventaja social en usuarios de drogas en el Área Metropolitana de Buenos Aires y ocho ciudades de Brasil. El análisis de las situaciones de desventaja social como vulnerabilidad se diferencia de ciertas perspectivas centradas en el reconocimiento de factores de riesgo, más cercanas a una apreciación tradicional desde lo médico-epidemiológico; como también de ciertas perspectivas que trabajan los fenómenos de la pobreza, el desempleo o la imposibilidad de acceso a servicios y derechos sociales básicos como fenómenos de exclusión. …

  6. Sitios de cobertura alta: prevención del VIH entre consumidores de drogas intravenosas en países en transición y en desarrollo: estudios de caso

    El ONUSIDA encargó el presente informe para investigar programas y sitios en países en desarrollo y en transición considerados por las autoridades internacionales "sitios de cobertura alta", esto es, donde más del 50% de los consumidores de drogas intravenosas había sido contactado por una o más intervenciones para la prevención del VIH. Se estudiaron siete sitios en total, a saber: Soligorsk (Belarús); Paskov (Federación de Rusia); Sumy (Ucrania); Dhaka (Bangladesh); Rajshahi (Bangladesh); Región Administrativa Especial de Hong Kong (China), y Salvador (Brasil). …

  7. Sexual and Reproductive Health Needs of Women and Adolescent Girls living with HIV. Research Report on Qualitative Findings from Brazil, Ethiopia and the Ukraine

    Sexual and Reproductive Health Needs of Women and Adolescent Girls living with HIV. Research Report on Qualitative Findings from Brazil, Ethiopia and the Ukraine is a document developed by EngenderHealth with the support of UNFPA. This research identified some interesting trends across the three countries and some issues unique to each setting that need to be considered in strategic planning efforts to improve HIV-positive women's and adolescent girl's access and utilization of sexual and reproductive health services. …

  8. Mulheres com HIV/AIDS. Elementos para construção de direitos e qualidade de vida

    Mulheres com HIV/AIDS. Elementos para construção de direitos e qualidade de vida e um dossiê redigido pelo Instituto Patrícia Galvão com o apoio do Fundo de Desenvolvimento das Nações Unidas para a Mulher, UNIFEM. Este dossiê busca contribuir para a redução de uma importante lacuna identificada nos campos da pesquisa, ativismo e políticas públicas da AIDS: a discussão sobre a qualidade de vida das mulheres vivendo com HIV. …

  9. Campañas contra la homofobia en Argentina, Brasil, Colombia y México

    Análisis de cuatro campañas masivas (en Argentina, Brasil, Colombia y México) contra la homofobia y el VIH, auspiciadas por los respectivos gobiernos de cada país. Descripción de cada una de ellas, y análisis del efecto producido en cada caso. …

  10. Mulheres com Aids: desvendando histórias de risco

    Esta pesquisa procurou conhecer o perfil social e cultural relacionado a risco de infecção pelo HIV em mulheres, descrevendo algumas variáveis epidemiológicas e revelando relatos de risco, o significado de sua vivência com AIDS e assistência recebida. Através de um questionário semi-estruturado, entrevistou-se 25 mulheres internadas no Hospital Universitário da UFRJ, no período anterior à disponibilização das drogas combinadas. …

  11. Guía de incidencia política en VIH/SIDA: hombres gay y otros hsh

    Eláobjetivo central de este documento es proporcionar a hombres gays y otros hombres que tienen sexo con hombres, los lineamientos básicos sobre cómo incidir políticamente (es decir, hacer advocacy) en los programas de prevención y tratamiento de ITS/VIH/SIDA. La presente guía comienza con una revisión del panorama de la epidemiología del vih/sida en América Latina y el Caribe elaborada por José Antonio Izazola. A partir de ahí, intenta trazar el surgimiento de la incidencia política como una estrategia válida para la conquista de los derechos de los HSH. …

  12. Vulnerabilidade ao HIV entre mulheres usuárias de drogas injetáveis

    OBJETIVO: Analisar elementos da vulnerabilidade à infecção pelo HIV entre mulheres usuárias de drogas injetáveis. MÉTODOS: Foram realizadas 13 entrevistas semi-estruturadas com mulheres usuárias (ou ex-usuárias) de drogas injetáveis, moradoras da Zona Leste do município de São Paulo, no ano de 2002. O roteiro das entrevistas abordou quatro eixos temáticos: contexto socioeconômico e relações afetivas, uso de drogas, prevenção contra a infecção pelo HIV e cuidados com a saúde. As entrevistas foram analisadas por meio de análise de conteúdo. …

  13. A prevenção do desvio: o dispositivo da aids e a repatologização das sexualidades dissidentes

    Este artigo problematiza a visão contemporânea dominante sobre a sexualidade, seus proclamados riscos e formas desejadas, contrapondo a ela discursos contra-hegemônicos que surgiram desde a emergência da epidemia de HIV-aids, mas que foram silenciados ou ignorados em prol dos consensos que atendiam às demandas da saúde pública. Utilizamos discursos dissidentes sobre a doença para analisar dados etnográficos sobre travestis que se prostituem, seus clientes e também homens que se relacionam em segredo com outros homens. …

  14. Adesão e não-adesão à terapia anti-retroviral: as duas faces de uma mesma vivência

    O objetivo do estudo foi compreender, a partir da perspectiva de portadores e familiares, os aspectos que influenciam na adesão à terapêutica anti-retroviral. Trata-se de um estudo descritivo, de natureza qualitativa, desenvolvido no período de junho de 2006 a julho de 2007, junto a 10 indivíduos portadores do HIV/Aids, acompanhados pelo Serviço de Atendimento Especializado em Aids de Campo Mourão - PR e seus familiares. …

  15. Conflitos e sentimentos de mulheres portadoras de VIH/Aids: Um estudio bibliográfico

    Pesquisa bibliográfica que buscou identificar como os conflitos e sentimentos das mulheres portadoras de HIV/Aids sâ abordados na literatura nacional e os caminhos propostos para uma abordagem de cuidado integral. Os dados foram coletados em novembro de 2006, na base de dados LILACS, utilizando as palavras-chave: mulheres, sentimentos, HIV, Aids, sofrimento, depressâo, e medo como critero de inclussâo o fato de os estudos terem sido divulgados nos ultimos cinco anos. A mostra ficou constituída de catorze pesquisas (quatro tesses, duas dissertaçoês e oito artigos). …

Pages

Our mission

Supporting education ministries, researchers and practitioners through a comprehensive database, website and information service.